Domingo, 29 de Novembro de 2020
99 99999-9999
Anúncio
Esportes Inter

Inter sugere terminar Gauchão nos estádios da dupla Gre-Nal e oferece centros de treinamento

Federação Gaúcha de Futebol já sinalizou com a ideia de reduzir número de sedes para retomar o estadual; clube coloca Beira-Rio, Parque Gigante e Morada dos Quero-Queros à disposição

09/05/2020 15h13
39
Por: Redação Fonte: Globo Esporte
Complexo do Beira-Rio, com CT do Parque Gigante ao lado, foi colocado à disposição pelo Inter. Foto: Internacional / Divulgação
Complexo do Beira-Rio, com CT do Parque Gigante ao lado, foi colocado à disposição pelo Inter. Foto: Internacional / Divulgação

À espera da oficialização de uma data para a retomada do Gauchão, o Inter segue a rotina de trabalhos no CT do Parque Gigante. Os jogadores treinam enquanto a direção aguarda uma posição da Federação Gaúcha de Futebol (FGF). Mas apresentou uma ideia: que o restante do estadual ocorra nos complexos da dupla Gre-Nal.

Antes reticente, a FGF já avalia diminuir o número de sedes para o encerramento do torneio, que foi paralisado por causa da pandemia do coronavírus após três rodadas do returno.

O Inter colocou à disposição tanto o Estádio Beira-Rio quanto o Centro de Treinamentos do Parque Gigante, utilizado pelo elenco profissional, e a Morada dos Quero-Queros, pertencente à base, em Alvorada, na Grande Porto Alegre. Sugeriu que as instalações tricolores também fossem aproveitadas.

A hipótese leva em conta confrontos restantes com os portões fechados e respeitados todos os protocolos de saúde e segurança. O Inter entende que não há como debater as questões dos torneios nacionais e a Libertadores neste momento em razão das discrepâncias em outras realidades. Mas gostaria que existisse um prazo, mesmo que distante, para retomada das competições;

De olho nas finanças

O Inter não pode de deixar de projetar a situação financeira. Há uma preocupação com o fluxo de caixa também pela incerteza do futuro. O clube já fez demissões e sabe que precisa do futebol para que as outras áreas funcionem a pleno.

Aliás, mesmo no departamento de futebol há cuidado com o cenário atual. A prioridade é cumprir as obrigações com os jogadores. Nada de pensar em contratações. Uma venda ajudaria, mas há ceticismo porque os outros clubes também enfrentam a recessão econômica.

Em campo, o Colorado voltou aos exercícios na última terça-feira. Mesmo com o distanciamento respeitado, a bola já faz-se presente nas atividades comandadas por Eduardo Coudet.

Aliás, embora tenha enfrentado um hiato de 49 dias e a necessidade de aprimorar a parte física, o Colorado vê os primeiros meses com o argentino como trunfos. O grupo já conhece o estilo do treinador e assimilou a ideia. Basta recuperar o ritmo de jogo.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias